NOTÍCIAS - PARACICLISMO

Data de Publicação: 11/12/2021.

Brasileiro de Paraciclismo começa com disputas acirradas na prova contrarrelógio

Primeiros campeões nacionais foram definidos neste sábado (11/12). Campeonato está sendo disputado em Brasília e segue até domingo com as provas de resistência

Eduardo Pimenta
Crédito: Ana Patrícia/CBC

O Campeonato Brasileiro de Paraciclismo de Estrada começou neste sábado com a disputa da prova de contrarrelógio individual. Os primeiros campeões nacionais de 2021 tiveram que pedalar forte e demonstrar muita superação para encarar o forte calor e o tempo seco da capital federal. Ao todo, 23 ciclistas comemoraram a medalha de ouro e puderam vestir a cobiçada camisa de campeão nacional.

Com presença de vários dos principais atletas do país, o campeonato começou com alto nível em todas as categorias. Na categoria Handbike WH3, a multimedalhista Jady Malavazzy marcou a sua retomada nas competições com mais um título brasileiro, desta vez competindo em casa com o apoio da torcida e da família.

“Estou retomando as competições aos poucos, depois de passar por um processo muito difícil de uma lesão que sofri, mas estou me sentindo muito bem e feliz por ter conquistado mais essa medalha de ouro. Poder receber o principal campeonato da temporada na minha cidade é uma grande satisfação, ainda mais estando envolvida também na parte organizacional. Pode competir ao lado dos amigos e do carinho da família não tem coisa melhor”, destacou Jady Malavazzy.

Entre os homens, também na Handbike, Eduardo Pimenta foi um dos grandes destaques ao vencer a categoria MH3, uma das mais disputadas do campeonato. Eduardo elogiou a organização pela oportunidade de voltar a competir com segurança, seguindo todos os protocolos necessários e não escondeu a alegria de somar o seu quinto título nacional.

“Está sendo muito importante voltarmos a competir com toda segurança necessária. Isso nos motiva a continuarmos treinando e visando novos objetivos. Sobre a prova de hoje, os adversários estavam todos muito bem preparados, a nossa categoria é uma das mais concorridas, mas eu consegui fazer uma boa prova e fiquei muito feliz de terminar com a medalha de ouro”, contou Eduardo.

Já entre os atletas da classe C, Victor Luise marcou um dos melhores tempo, venceu e convenceu terminando com mais de dois minutos de vantagem sobre o segundo colocado. Depois da vitória, Victor contou estar feliz em poder observar a renovação da modalidade acontecendo e estar fazendo parte de todo esse processo.

“A felicidade da vitória não tem tamanho. Mas ainda mais importante é poder estar observando que o trabalho da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC) e do Comitê Paralímpico Brasileiro estão surtindo efeito. Todas as etapas conhecemos vários novos atletas que estão competindo pela primeira vez e isso nos motivo ainda mais para continuar sendo referência e passando um pouco do conhecimento que nós temos para essa nova geração”, declarou Victor.

Os resultados completos de todas as categorias podem ser acessados através do link: http://www.cbc.esp.br/arquivos/930zz6x159.pdf

O principal evento da modalidade estará seguindo rigorosamente todos os protocolos sanitários do Distrito Federal e Governo Federal, além das diretrizes de segurança determinadas pela Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC).

O Campeonato Brasileiro do Paraciclismo é uma organização e realização da Confederação Brasileira de Ciclismo e Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), com apoio da Federação Metropolitana de Ciclismo e Time Paracapital.

GALERIA DE FOTOS: CLIQUE NO LINK

Assessoria de Comunicação - CBC

Telefone: (61) 3585.1051 | (61) 9123.2218 
E-mail: imprensa@cbc.esp.br 
Curta a página da CBC no Facebook
Assista aos nossos vídeos no Youtube Canal Oficial da CBC

 


 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - PARACICLISMO

VER TODAS
Carlos Soares
Crédito: Ana Patrícia/CBC
Victor Luise
Crédito: Ana Patrícia/CBC
Jefferson Spimpolo
Crédito: Ana Patrícia/CBC
Telma Bueno
Crédito: Ana Patrícia/CBC