NOTÍCIAS - pista

Data de Publicação: 25/03/2014.

Técnico da Seleção de Ciclismo de Pista, Emerson Silva é o segundo no mundo com certificação especial UCI

Emerson foi aprovado após fazer estágio de seis meses na sede da União Ciclística Internacional (UCI), na Suíça


Emerson auxiliando os atletas na SuíçaCrédito: Willian Fracheboud
O ex-ciclista Emerson Silva, sempre foi reconhecido pelo seu potencial no velódromo - quando ainda era atleta de elite no Brasil - e pela sua grande disciplina. Agora, o londrinense se destaca como técnico e alcança a certificação máxima que pode ser expedida a um treinador de Ciclismo de Pista. Com este feito, Emerson se torna o segundo treinador no mundo a conseguir a certificação.
Pensando em ampliar as opções de treinadores de alto rendimento para o Ciclismo de Pista, a União Ciclística Internacional (UCI) decidiu criar uma certificação que iria além dos tradicionais cursos para técnicos nível 1, 2 e 3. Essa nova opção de formação inclui um estágio de seis meses na entidade, dividido em duas etapas. Neste período, os técnicos são avaliados em todos os quesitos, tanto práticos como teóricos, incluindo participação em competições importantes, além do acompanhamento diário por todo o corpo técnico do Centro Mundial de Ciclismo (CMC).
Inicialmente, Emerson Silva, técnico da Seleção Brasileira de Ciclismo de Pista, chegou a UCI apenas para acompanhar a seleção que estaria em estágio no CMC. Aos poucos o técnico residente Tim Carswell, começou a perceber as habilidades do brasileiro e decidiu, após reunião com a direção do CMC, que incluiria Emerson no programa de capacitação para treinadores da UCI, onde no final, ele poderia sair com a certificação máxima oferecida a um treinador de Ciclismo de Pista.

“As qualidades do Emerson são indiscutíveis. Precisávamos de um técnico qualificado no Brasil, que se adequasse ao nosso estilo de trabalho e tivesse a mesma maneira de pensar. Então conseguimos enxergar tudo isso no Emerson. Resolvemos convidá-lo para participar do nosso programa de treinadores e ele se saiu muito bem”, destacou Tim.
O percurso não foi nada fácil. Além de acompanhar a seleção diariamente na sua rotina de treinamentos e competições, Emerson ainda cumpria todas as atividades do estágio que eram propostas paralelamente. Durante o seu treinamento no CMC, ele trabalhou ao lado de grandes nomes do ciclismo, como o técnico residente Tim Carswell, entre diversos outros especialistas da UCI. Agora, com a aprovação confirmada e o certificado em mãos, Emerson está capacitado para treinar atletas de alto rendimento tanto na Pista como na Estrada.
Para Emerson, a experiência é inexplicável. O técnico brasileiro destaca a importância da certificação e afirma que esta integração com a UCI será fundamental para a preparação dos atletas rumo a Rio 2016. “Quando recebi o convite quase não acreditei. Mas não foi fácil. O treinamento era diário, seja dentro da academia, no velódromo, na estrada, ou até mesmo durante as competições. Eu era testado e observado a todo instante. Estou muito feliz por chegar a este nível levando o nome do Brasil para o mundo inteiro. Isso mostra que o trabalho da CBC esta sendo reconhecido pela UCI. Eu me sinto lisonjeado por ser o segundo técnico no mundo a ter esse diploma. Tenho certeza que todo o aprendizado na Suíça será muito importante para o ciclismo brasileiro”, destacou Emerson Silva.
Recentemente Emerson foi chefe da delegação brasileira nos Jogos Sul-Americanos do Chile, onde o ciclismo alcançou a marca histórica de onze medalhas, sendo quatro ouros, três pratas e quatro bronzes.
ASSESSORIA DE IMPRENSACONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CICLISMO

 


 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - pista

VER TODAS