NOTÍCIAS - pista

Data de Publicação: 09/09/2016.

Brasil começa sua participação no paraciclismo dos Jogos Rio2016

No velódromo olímpico, Lauro Chaman foi o destaque chegando próximo do top10 na prova de 1km contrarrelógio


Lauro Chaman na prova do KmCrédito: Alaor Filho/CPB
O paraciclismo brasileiro estreou oficialmente nesta sexta-feira (9) nos Jogos Paralímpicos Rio2016. Soelito Gohr, Lauro Chaman e Marcia Fanhani debutaram no Velódromo Olímpico e começaram bem a disputa diante dos melhores atletas do mundo na prova de 1km contrarrelógio.
As classes C4 e C5 masculina competiram juntas, e uma disputa eletrizante agitou o público, que viu duas quebras de recorde paralímpico na mesma prova. Primeiro o espanhol Alfonso Cabello Llamas (classe C5) cruzou em 1min04s494 e estabeleceu o melhor tempo paraolímpico na sua categoria, mas ai veio o britânico Jody Cundy (classe c4) e surpreendeu ainda mais, fechando a prova em 1min02s473 e garantindo a medalha de ouro. Llamas acabou com o bronze e a prata foi para o eslovaco Josef Metelka. Lauro Chaman foi o melhor brasileiro, alcançando com muita garra o 12º lugar. Soelito Gohr, que já está na sua terceira paralimpíada, encerrou na 18ª posição. 
"Foi uma disputa muito acirrada. A competitividade está grande e cada detalhe faz a diferença no velódromo. Vamos continuar trabalhando para colocar o Brasil na melhor posição possível e alegrar essa torcida, que realmente me surpreendeu, vibrando muito. Essa força das arquibancadas é muito motivadora", disse Lauro, que volta a competir já neste sábado (10), na prova de perseguição individual, que também terá Soelito Gohr como representante brasileiro na disputa. 
Marcia e Mariane na TandemCrédito: Márcio Rodrigues/CPB
Na categoria B Feminino do Tandem, a brasileira Marcia Fanhani, que tem como piloto Mariane Ferreira, encontrou um altíssimo nível de disputa. Tetracampeã mundial, a britânica Sophie Thornhill, com a piloto Hellen Scott, pedalou muito forte e também estabeleceu um novo recorde paralímpico na prova do 1km contrarrelógio, 1min06s283, garantindo assim a medalha de ouro. A prata ficou com a holandesa Larissa Klaassen e o bronze foi para a australiana Jessica Gallagher. A dupla brasileira finalizou na 13ª colocação.
As provas seguem no velódromo até domingo (11). Na quarta-feira (14) começam as provas de paraciclismo de estrada, onde a equipe brasileira receberá o reforço da atleta Jady Malavazzy que irá competir nas provas de contrarrelógio e resistência na categoria H3 (Handbike). 
 
ASSESSORIA DE IMPRENSACONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE CICLISMO

Assessoria de Comunicação - CBC

Telefone: (61) 3585.1051 | (61) 9123.2218 
E-mail: imprensa@cbc.esp.br 
Curta a página da CBC no Facebook
Assista aos nossos vídeos no Youtube Canal Oficial da CBC

 


 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - pista

VER TODAS