NOTÍCIAS - PISTA

Data de Publicação: 20/05/2019.

Taça Brasil de Ciclismo de Pista é sucesso absoluto em Curitiba (PR)

Com direito a quebra de recorde nacional, atletas da seleção brilharam nas provas de velocidade. Competição também reuniu jovens promessas do esporte

Prova Keirim masculino
Crédito: Wesley Kestrel/CBC

Após 13 anos sem sediar uma competição do Ranking Nacional de Pista, a cidade de Curitiba, reconhecida por ser um celeiro de grandes atletas do esporte nacional, reviveu momentos de muita alegria e paixão pelo esporte no último fim de semana, 18 e 19 de maio, durante a primeira etapa da Taça Brasil de Ciclismo de Pista, realizada no Velódromo Municipal da capital paranaense. Os primeiros colocados de cada categoria somaram pontos no Ranking Brasileiro da modalidade.

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, destacou a importância de realizar a Taça para a contribuição social da cidade através do esporte. “Curitiba estima o esporte, o velódromo está preparado para essa grande competição nacional. Nós estamos transformando a cidade pelo esporte no contraturno escolar nas Linhas do Conhecimento”, afirmou o prefeito.

Promover o intercâmbio entre jovens promessas com revelações já consagradas do esporte é um dos principais objetivos da Taça Brasil. A primeira etapa deixou bem claro essa oportunidade, além de proporcionar também uma série de ações paralelas, como a exposição de bicicletas antigas, palestra com o atleta olímpico Emanuel do Rego, atual Secretário Nacional de Esportes de Alto Rendimento, doação de bicicletas e oficinas para dar as primeiras pedaladas.

Para o presidente da Confederação, José Luiz Vasconcellos, levar uma competição de alto nível para contribuir com a utilização do velódromo é uma enorme satisfação.

“É um prazer retornar a Curitiba com um evento dessa natureza. Ver o ciclismo revivendo novamente na cidade. Curitiba e o Paraná sempre foram celeiros do ciclismo de estrada e de pista no país. Poder contribuir com esse fomento é uma grande satisfação”, declarou Vasconcellos.

Sucesso em alto nível

Resumindo, foi um grande sucesso. Apesar da chuva interferir na programação inicial das provas, nada conseguiu tirar o brilho da competição. Com direito a quebra de recorde, as provas contaram com a presença de ciclistas de vários estados, inclusive campeões brasileiros e atletas da seleção. O nível foi considerado bastante alto pelos competidores de todas as categorias.

“O nível foi alto, todos os atletas estavam bem empolgados com essa nova competição. Poder participar de um evento com várias etapas no ciclismo de pista só ajuda no crescimento e fomento da nossa modalidade. Todos os envolvidos estão de parabéns. Agradeço a minha equipe ABEC/Rio Claro pelo trabalho realizado e estou saindo muito feliz com três medalhas de ouro”, comentou a campeã brasileira Wellyda Rodrigues.

Wellyda, que atualmente defende a equipe ABEC/Rio Claro, terminou a competição como um dos principais destaques. A ciclista, de apenas 23 anos, conquistou os títulos das provas de Keirin, Velocidade Individual e Scratch, além de ficar com a prata na Tempo Race, vencida por Daniela Lionço, sua companheira de equipe.

No masculino, as disputas eletrizantes levantaram o apoio do público presente. As provas de Velocidade foram dominadas pelos atletas da seleção, com destaque para Kacio Freitas, campeão da Keirin e da Velocidade Individual, com direito a quebra de recorde nacional (entre os tempos estabelecidos no Brasil) registrando 10s664.

“Estou feliz em registrar um novo recorde. A organização da prova está de parabéns. O ciclismo de pista estava precisando de um evento como esse, ampliando o calendário de provas nacionais e contribuindo tanto para melhorarmos nosso ritmo de competição, como para o surgimento de novos talentos”, destacou Kacio Freitas, atleta da seleção brasileira.

Na Scratch masculina, a vitória ficou com Rauny Gonçalves, do Clube Maringaense de Ciclismo, enquanto na Tempo Race, o campeão foi Samuel Stachera, da Rio Cycling Team.

Base promissora

Entre as atletas da categoria Junior feminino (17 e 18 anos), prevaleceu a força da paranaense Julia Constantino, do Clube Ciclístico Araponguense, uma das principais promessas do país no ciclismo de pista. Julia venceu as provas de Keirin, Velocidade Individual e Scratch. Amanda Kunkel, do Clube Maringaense de Ciclismo, levou a melhor na Tempo Race.

“Estava ansiosa para poder competir. Fiquei muito feliz com os meus resultados, todas as meninas estão de parabéns. Treinar sabendo que teremos outras competições além do brasileiro motiva bastante. Agora é continuar treinando já pensando nas próximas etapas”, contou Julia, de apenas 16 anos.

Já no masculino, Vinicius Gussoli, da Associação Ciclística Desportiva, conquistou a medalha de ouro nas provas de Keirin e Velocidade Individual, enquanto Gustavo de Jesus, de Rolândia, venceu na Scratch, e Luan Carlos, da SMELJ/Curitiba, ficou em primeiro na Tempo Race.

A primeira etapa da Taça Brasil de Ciclismo de Pista foi uma realização e organização da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), Federação Paranaense de Ciclismo (FPC) e Prefeitura Municipal de Curitiba, através da Secretaria de Esporte, Lazer e Juventude, com apoio do Instituto Cidadania e Voluntariado.

----

Classificação geral

Provas da categoria masculino: [RESULTADOS]

Provas da categoria feminino: [RESULTADOS]

Assessoria de Comunicação - CBC

Telefone: (61) 3585.1051 | (61) 9123.2218 
E-mail: imprensa@cbc.esp.br 
Curta a página da CBC no Facebook
Assista aos nossos vídeos no Youtube Canal Oficial da CBC

 


 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - PISTA

VER TODAS
Kácio e Cipriano comemoram
Crédito: Wesley Kestrel/CBC
Taça Brasil de Pista
Crédito: Wesley Kestrel/CBC
Wellyda Rodrigues
Crédito: Wesley Kestrel/CBC
Kacio Freitas em ação
Crédito: Wesley Kestrel/CBC
Pódio da Scratch masculino
Crédito: Wesley Kestrel/CBC